Réplica de um Stay de 1776

Quando falamos em espartilho ou corsets logo vem a mente das pessoas trajes históricos, compostos por "corsets", várias saias um corpet (que crobria o corset) entre outros adereços. Esses primeiros "corsets", eram chamados de Stays na verdade, possuíam inúmeras barbatanas para que o corpo da usuária ficasse completament ereto, chapava tanto a frente quanto as costas.
Seu comprimento lateral vai da axila até a cintura, e logo abaixo já era fixado as ancas que serviam se volume extra na bacia.
Stays não eram usados para redução de cintura, apenas para deixar tanto o corpo feminino quanto o masculino o mais ereto possível e no caso das mulheres o busto ficava achatado em alguns modelos e em outros bem evidenciado.

O que dava impressão de uma pequena cintura na peoca vitoriana e eduardiana, era o uso das ancas, que deixavam a bacia aparentemente maior e dava a ilusão de cintura pequena as mulheres.

Homens também usavam Stays com o mesmo intuíto das mulheres, manter a postura e a elegância, porém esta peça limitava muito o movimento e com o tempo fui sendo sustituida por novos modelos de corsets, até chegar no que usamos atualmente.

Segue os materiais usados na confecção desse Stays:

Saty confeccionado em lonita nude, contendo o mesmo tecido de forro, possui apenas 4 painéis, possui 32 barbatnas algumas ortopédicas, outras de PCV e seis em rígidas que garante a compressão na frente e nas costas.

Este modelo não possui fecho frontal e seus ilhóses são de ouro velho.
Amarração traseira é feita através de cordão acetinado marrom de 3mm.

Na época não se usva protetor de costas, mas caso a cliente queia é só fazer o pedido (sem custos adicionais).

Todos os corsets U Fashion são costurados com nylon 60, o que garante alta durabilidade das costuras internas e externas.

Este modelo NÃO indicado para Tight Lacing e para uso fashion e pode ser adaptado para os dias atuais.

Pode ser confeccionado em outros tecidos, cores e estampa.

COMO TIRAR AS MEDIDAS

Segue o tutorial abaixo
https://www.youtube.com/watch?v=RIcjPcyML_8
Por favor, tire as medidas exatamente como ensinamos no vídeo.

É necessário que tire fotos tirando suas medidas exatamente como na imagem abaixo:
Sem as fotos não daremos início ao seu corset, só assim poderemos saber se você as tirou corretamente.




DICA U FASHION

Posicione seu celular em algum móvel, na altura do seu corpo, tire as fotos com a câmera frontal, utilize o timer de 10 segundos para dar tempo de você se posicionar.
Tire as fotos somente com fita-métrica.
Não fique distante do celular e tome cuidado para não cobrir a fita com a mão, pois precisamos ver as medidas.
Caso as fotos fiquem desfocadas, tire-as novamente.

SEM FOTO = SEM CORSET

Stay 1776
R$1.045,00
Quantidade
Stay 1776 R$1.045,00

Conheça nossas opções de frete

Réplica de um Stay de 1776

Quando falamos em espartilho ou corsets logo vem a mente das pessoas trajes históricos, compostos por "corsets", várias saias um corpet (que crobria o corset) entre outros adereços. Esses primeiros "corsets", eram chamados de Stays na verdade, possuíam inúmeras barbatanas para que o corpo da usuária ficasse completament ereto, chapava tanto a frente quanto as costas.
Seu comprimento lateral vai da axila até a cintura, e logo abaixo já era fixado as ancas que serviam se volume extra na bacia.
Stays não eram usados para redução de cintura, apenas para deixar tanto o corpo feminino quanto o masculino o mais ereto possível e no caso das mulheres o busto ficava achatado em alguns modelos e em outros bem evidenciado.

O que dava impressão de uma pequena cintura na peoca vitoriana e eduardiana, era o uso das ancas, que deixavam a bacia aparentemente maior e dava a ilusão de cintura pequena as mulheres.

Homens também usavam Stays com o mesmo intuíto das mulheres, manter a postura e a elegância, porém esta peça limitava muito o movimento e com o tempo fui sendo sustituida por novos modelos de corsets, até chegar no que usamos atualmente.

Segue os materiais usados na confecção desse Stays:

Saty confeccionado em lonita nude, contendo o mesmo tecido de forro, possui apenas 4 painéis, possui 32 barbatnas algumas ortopédicas, outras de PCV e seis em rígidas que garante a compressão na frente e nas costas.

Este modelo não possui fecho frontal e seus ilhóses são de ouro velho.
Amarração traseira é feita através de cordão acetinado marrom de 3mm.

Na época não se usva protetor de costas, mas caso a cliente queia é só fazer o pedido (sem custos adicionais).

Todos os corsets U Fashion são costurados com nylon 60, o que garante alta durabilidade das costuras internas e externas.

Este modelo NÃO indicado para Tight Lacing e para uso fashion e pode ser adaptado para os dias atuais.

Pode ser confeccionado em outros tecidos, cores e estampa.

COMO TIRAR AS MEDIDAS

Segue o tutorial abaixo
https://www.youtube.com/watch?v=RIcjPcyML_8
Por favor, tire as medidas exatamente como ensinamos no vídeo.

É necessário que tire fotos tirando suas medidas exatamente como na imagem abaixo:
Sem as fotos não daremos início ao seu corset, só assim poderemos saber se você as tirou corretamente.




DICA U FASHION

Posicione seu celular em algum móvel, na altura do seu corpo, tire as fotos com a câmera frontal, utilize o timer de 10 segundos para dar tempo de você se posicionar.
Tire as fotos somente com fita-métrica.
Não fique distante do celular e tome cuidado para não cobrir a fita com a mão, pois precisamos ver as medidas.
Caso as fotos fiquem desfocadas, tire-as novamente.

SEM FOTO = SEM CORSET